3 Armas Naturais para Combater a Menopausa

Por Cris Marcondes


Ondas de calor, suores noturnos, insônia, aumento de risco cardiovascular e até mesmo depressão são alguns dos sintomas que a maioria das mulheres enfrentam com a chegada da menopausa.

A menopausa é um marco na vida de uma mulher, já que significa o fim da fertilidade e consequentemente o fim dos ciclos menstruais, que pode variar de mulher pra mulher, mas que acontece em média entre os 45 e 55 anos.

O início da menopausa deve ser considerado depois de um ano do último fluxo menstrual, e esse tempo de transição que antecede a menopausa é chamado de climatério, neste período o organismo deixa de produzir, de forma lenta e gradativa, os hormônios estrogênio e progesterona.

Essa alteração hormonal é uma das principais causas dos sintomas da menopausa, e pra evitar esses sintomas são feitos tratamentos convencionais de reposição hormonal com comprimidos, adesivos ou géis que repõem o estrogênio, sendo que o tratamento mais recomendado pelos médicos são os comprimidos de uso diário, que têm progesterona e hormônio esteroide feminino para proteger o útero.

Mas... o que muitas mulheres não sabem é que a terapia hormonal com medicamentos pode trazer outros efeitos indesejados que são os efeitos colaterais desses medicamentos sintéticos, que muitas vezes podem ser piores do que os efeitos causados pela menopausa. Mas.... fique tranquila que eu tenho aqui nesse artigo um pouco mais a frente uma alternativa natural que sem dúvidas vai te ajudar a combater sintomas da menopausa de forma segura, mas antes eu preciso te contar aqui o que eu descobri sobre a terapia hormonal com medicamentos convencionais que me assustou muito e me fez escrever esse artigo.

Entre 2002 e 2005 foram realizadas inúmeras pesquisas nos EUA sobre a terapia de reposição hormonal na menopausa, e uma dessas pesquisas descobriu que existe um aumento no risco de doenças cardíacas e acidentes vasculares cerebrais no primeiro ano de terapia hormonal, e que as mulheres que permanecem nela por períodos mais longos continuam a ter maior risco para as duas condições.

Já outra pesquisa, comprovou que as participantes que usaram uma combinação de estrogênio e progestina como parte da terapia hormonal desenvolveram um aumento significativo no risco de câncer de mama invasivo e até mesmo morte por câncer de mama, assim como câncer pulmonar, doença da vesícula biliar, demência e incontinência urinária.

É de assustar, não é? Mas depois de concluídos todos esses estudos, a Rede Nacional de Saúde da Mulher nos EUA recomendou a procura de formas alternativas de lidar com a menopausa e eu acho que você não pode ficar sem saber, então eu resolvi compartilhar o tratamento com produtos naturais (óleos essenciais) aqui com você, e eu vou destacar três óleos essenciais mais eficazes e que vão te ajudar a acabar de vez com os sintomas indesejados da menopausa.

1. Óleo Essencial de Sálvia Esclaréia

A sálvia esclaréia tem uma longa história de uso medicinal, e o seu óleo essencial é considerado por muitos especialistas como o mais efetivo de todos os óleos essenciais para equilibrar hormônios. Ele não só pode proporcionar alívio para os sintomas da menopausa como ondas de calor e ansiedade, como também pode reduzir a intensidade e a frequência das ondas de calor e dos suores noturnos, assim como aliviar os sintomas de TPM e reduzir as cólicas menstruais. Essa capacidade de regular os hormônios também significa que pode ajudar a elevar o humor, combater a depressão e melhorar a força mental também.

A óleo essencial age nos hormônios do corpo, pois contém fitoestrógenos naturais, que são conhecidos como "estrogênios dietéticos" que são derivados de plantas. Os seus fitoestrógenos levam a efeitos estrogênicos que regulam os níveis de estrogênio para sustentar a saúde do útero a longo prazo ao diminuir as chances de câncer uterino e de ovário.

Um estudo publicado no Journal of Phytotherapy Research em 2014 mostrou que a inalação de óleo essencial de sálvia esclaréia resultou na diminuição dos níveis de cortisol em 36%, enquanto também melhorou os níveis de hormônio da tireoide. Níveis elevados de cortisol significa ganho de peso, depressão e muitos outros problemas. As mulheres pós-menopausa que participaram do estudo foram diagnosticadas com depressão, mas após o estudo, observaram que a sálvia esclaréia teve um efeito significativo na melhoria do humor e no alívio dos sintomas de depressão.

2. Óleo Essencial de Tomilho

O óleo de tomilho é considerado um dos antioxidantes mais poderosos do planeta e tem sido usado medicinalmente desde os tempos antigos. Além disso ele também é considerado um dos melhores óleos essenciais para equilibrar os hormônios e ajudar a combater os sintomas da menopausa, pois oferece efeitos de equilíbrio da progesterona e é benéfico para o corpo, melhorando a produção de progesterona. O óleo essencial de tomilho foi classificado como um dos seis melhores por conter uma maior combinação de progesterona e estradiol das 150 ervas que foram testadas para a produção de progesterona, como observado em Proceedings of the Society of Experimental Biology and Medicine, e é por isso que esse óleo essencial tem a capacidade excepcional de equilibrar os hormônios naturalmente. O óleo de tomilho também pode aliviar o estresse, reduzir a ansiedade e tratar a inquietação, pois ajuda o corpo a relaxar.

3. Óleo Essencial de Gerânio

O óleo essencial de gerânio é conhecido por ser calmante, suave, revitalizante e desintoxicante. Esse óleo pode ajudar a melhorar a pele seca, um problema comum durante a menopausa. Também é considerado um regulador poderoso nas secreções hormonais, o que o torna ideal para tratar sintomas de TPM e menopausa, com a capacidade de reduzir ansiedade e irritação, promover sentimentos de felicidade, aliviar as alterações de humor, e ainda, ajudar no alívio das ondas de calor e suores noturnos. Em uma pesquisa feita com mulheres na menopausa, aquelas que receberam massagem de aromaterapia durante oito semanas utilizando uma mistura de óleo essencial de gerânio e óleo de amêndoa sentiram melhorias no humor e depressão.

E pra te ajudar a evitar os problemas mais comuns da menopausa eu separei aqui 7 dicas muito importantes pra manutenção da sua saúde hormonal e bem-estar:

1-     Faça uma reposição hormonal usando produtos naturais. Os principais hormônios alterados após a menopausa (estrogênio, progesterona e testosterona) são importantes na proteção do cérebro, coração e ossos.

2-     Consulte o seu médico regularmente. Acompanhe de perto sua saúde nessa fase, são muitas mudanças que o seu corpo vai enfrentar e você precisa de acompanhamento médico e exames periódicos.

3-     Faça exercícios físicos diários. O exercício vai ajudar a manter o peso e os níveis de insulina e estrogênio no organismo. E o que é ainda melhor ajuda no humor e sensação de bem-estar por causa da endorfina produzida durante os exercícios.

4-     Beba muita água.  A desidratação pode afetar o sistema nervoso, o que provoca as ondas de calor. Por isso o organismo precisa de água para ajudar no seu processo de desintoxicação dos rins, fígados e sangue e também pra manter a pele sempre hidratada.

5-     Durma cerca de 8 horas por dia. Uma boa noite ajuda a evitar o estresse, e o cansaço;

6-     Controle seu peso. Aproximadamente 90% das mulheres ganham peso no climatério por causa das mudanças hormonais, ligadas ao aumento do cortisol e diminuição do estrógeno, progesterona e testosterona. Por isso, faça exames periódicos e mantenha o peso em uma faixa saudável.

7-     Comece a se cuidar cedo. Mesmo que você ainda esteja longe de entrar na menopausa, comece a fazer hoje várias mudanças na sua vida, que mais tarde você vai agradecer a si mesma por isso.

E aí? Quer aprender mais sobre esse o uso dos óleos essenciais para melhorar a sua saúde e beleza? Você sabia que os óleos essenciais também podem ser usados para ajudar nos casos de dores, inflamações, infecções na pele, problemas respiratórios ou disfunções metabólicas como diabetes? E ainda que podem agir na redução de rugas e rejuvenescimento facial?

Se você quer aprender a fazer outras receitas com esses produtos 100% naturais pra te ajudar com dores no corpo, dores de cabeça, estresse, ansiedade, insônia, TPM, pressão alta, problemas intestinais entre outros clique no botão aqui em baixo para assistir um vídeo e aprender mais.



Sobre a autora:

Cris Marcondes é farmacêutica e atua há 11 anos chefiando equipes de desenvolvimento de medicamentos em multinacionais da área farmacêutica. 
Há 5 anos começou a estudar e a desenvolver diversas fórmulas com óleos essenciais para uso pessoal – óleos relaxantes, cremes e sabonetes terapêuticos, aromatizantes para o sono e diversos produtos para seu marido e filho.
Hoje divide seu tempo escrevendo sobre suas experiências e ensinando outras pessoas a melhorarem suas vidas com óleos essenciais.


Nota: As informações fornecidas neste artigo foram retiradas da experiência da autora e embasados pelos de estudos científicos referendados abaixo. São de caráter informativo e não se destinam a substituir tratamento de seu médico ou de outro profissional de saúde. 


1-    https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24802524

2-    https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/9492350

3-    https://goo.gl/nQFWaz